Universidade de Fortaleza - BDTD - Biblioteca Digital de Teses e Dissertações

Dissertação

Titulo

Heteronormatividade e homofobia na educação básica pública

Autor

Barreira, Marília Maia Lincoln

Programa

Mestrado Em Psicologia

Orientador

Pocahy, Fernando Altair

Banca Examinadora

Pocahy, Fernando Altair
Nardi, Henrique Caetano
Viana, Luciana Maria Maia

Data da Defesa

13/08/2015

Assunto

Homofobia
Diversidade Sexual
Educação sexual

Resumo

O trabalho aqui apresentado problematiza, a partir dos Estudos Culturais, foulcaultianos e da Teoria Queer, a (re)produção da heteronormatividade e da homofobia no contexto da educação pública fortalezense. Para isto, utiliza-se de pesquisa de método misto, unindo bases quantitativas e qualitativas. Foram aplicados 400 questionários da Escalas de Preconceito contra Diversidade Sexual e de Gênero, com professores, funcionários e alunos acima de 18 anos, em escolas da rede municipal e estadual. Em seguida, formaram-se dois grupos focais de dez participantes, dentre o montante de interlocutores da fase anterior, sendo um grupo de alunos e outro de professores. Sendo assim, percebe-se um discurso pautado na padronização de modos de vida, com base naquilo que julga-se ser aceito na sociedade. Conclui-se que, apesar de algumas tentativas, em termos de políticas públicas, em prol de incluir a comunidade LGBT no contexto escolar, a homofobia velada ainda é uma realidade nestes locais, manifestada por agressões verbais e balizada por um discurso heteronormativo. Entende-se, também, a falta de informação e formação apropriada de docentes como algumas das maiores dificuldades para a promoção de uma educação pensada através dos conceitos de cidadania e respeito à diversidade. Palavras-Chave: heteronormatividade, homofobia, educação escolar.

Abstract

The work presented here discusses, from the Cultural Studies, Foucault’s theory, and Queer Theory, the (re) production of heteronormativity and homophobia in the context of public education of Fortaleza. For this, it uses mixed search method, combining quantitative and qualitative basis. They were applied 400 questionnaires of Prejudice scales against Sexual and Gender Diversity with teachers, staff and students over 18 years in the municipal and state schools. Then, formed two focus groups of ten participants from the amount of interlocutors of the previous phase, one group of students and the other, composed by teachers. Thus, it is noticed a guided speech on standardization of lifestyles, based on what we deem to be accepted in society. In conclusion, despite some attempts, in terms of public policies in favor of including the LGBT community in the school context, the veiled homophobia is still a reality in these places, manifested by verbal and buoyed by a heteronormative discourse aggression. It is understood, also, the lack of appropriate information and training of teachers as some of the major difficulties in promoting an education designed through the concepts of citizenship and respect for diversity. Keywords: heteronormativity, homophobia, schooling.

Termo para download

O autor desta obra é o titular dos direitos autorais. Esse trabalho destina-se somente para uso pessoal ou científico. Está proibida a comercialização de qualquer espécie sem autorização prévia do autor.

Li e concordo com as condições acima

Documento Eletrônico Peso Acessos Download
Dissertacao.pdf 1.405 KB 196