Universidade de Fortaleza - BDTD - Biblioteca Digital de Teses e Dissertações

Dissertação

Titulo

As redes de apoio social de catadores de materiais recicláveis vinculados a uma associação

Autor

Braga, Natália Lopes

Programa

Mestrado Em Psicologia

Orientador

Maciel, Regina Heloisa Mattei de Oliveira

Banca Examinadora

Maciel, Regina Heloisa Mattei de Oliveira
Coutinho, Maria Chalfin
Santos, João Bosco Feitosa dos

Data da Defesa

29/06/2015

Assunto

Psicologia social
Apoio social
Catadores de materiais recicláveis

Resumo

A catação de materiais recicláveis apresenta-se como uma alternativa frente à reestruturação produtiva e às crescentes exigências do mercado de trabalho formal. A necessidade aparece como grande impulsionadora para a inserção de muitos desempregados no mundo da catação. A organização de trabalhadores em torno de associações demonstra ser uma alternativa de trabalho mais justa e igualitária. As redes sociais mostram-se úteis para o entendimento da importância das relações como instrumento de benefícios, com potencial de facilitar o acesso a informações e oportunidades e, consequentemente, possibilitarem melhores condições de trabalho e de vida. Diante disto, esta pesquisa teve como objetivo geral compreender as redes de apoio social de catadores de materiais recicláveis vinculados a uma associação, com foco no campo do trabalho. Os objetivos específicos buscaram identificar o contexto de trabalho dos participantes (histórico e características da associação, trajetórias laborais, organização do trabalho na associação e laços existentes entre os associados); identificar a estrutura e a função das redes de apoio social no campo do trabalho; analisar as redes e o possível capital social que transita por elas. Para a produção deste trabalho, foi realizada uma pesquisa de campo qualitativa em uma associação de catadores, em Fortaleza-CE, onde foram entrevistados seis catadores associados. Para a coleta de dados, utilizou-se entrevistas semiestruturadas e o Diagrama da Escolta Social. Os dados foram analisados através da análise do discurso e com o programa UCINET. No que se refere aos resultados, os seis participantes nomearam um total de 27 pessoas integrantes de suas redes, onde a menor rede apresentou uma pessoa e a maior oito pessoas. Constatou-se que as redes de apoio social dos catadores associados caracterizam-se por um elevado nível de homofilia, com a presença sobretudo de laços fortes e com alto índice de localismo. A família, amigos e vizinhança demonstram oferecer mais benefícios do que o fato de ser associado, estando nestes campos a maior fonte de apoio e de recursos. A associação não evidenciou ser uma fonte de benefícios direta para cinco, dos seis participantes. A associação demonstrou ser marcada por fortes relações de poder e de caráter assistencialista, onde os lucros não são distribuídos igualitariamente e os associados não parecem ter autonomia em seus trabalhos. Além disso, o trabalho realizado na associação apresentou-se bastante precário e informal. Diante do exposto, percebeu-se que, referente às redes, o baixo capital social que circula por estas aponta para um ciclo de reprodução da pobreza e dificuldade de ascensão social. Mostrou-se importante a ampliação das redes sociais dos participantes para além de suas fronteiras sociodemográficas, estendendo seu alcance à pessoas e instituições que possam propiciar benefícios e melhorias na qualidade e no exercício de seus trabalhos. Por fim, a pesquisa mostrou que a reunião de trabalhadores em torno de uma associação não garante por si só a diminuição da precariedade e melhorias nas relações de poder. Ressalta-se a necessidade de práticas mais dialógicas, do desenvolvimento da autonomia e da busca por melhorias na qualidade de vida e de trabalho dos associados. Palavras-chave: catadores de materiais recicláveis; redes sociais; redes de apoio social; associação de catadores.

Abstract

The collection of recyclable materials is presented as an alternative in face of the productive restructuring and the increasing expectations of the formal labor market. The need appears as a big driver for the insertion of many unemployed in the world of recyclable material collectors. The organization of workers around associations and / or cooperatives proves to be a source of employment more just and equal. Social networks are shown useful for the understanding of the importance of relationships as benefits of instrument with the potential to facilitate access to information and opportunities and consequently make possible better conditions of work and life. The general objective of this research aimed to understand the social support networks of recyclable material collectors linked to one association, focusing on the field of labor. The specific objectives sought to identify the work context of the participants (historic and association characteristics, labor trajectories, work organization in the association and links between members); identify the structure and function of social support networks in the fieldwork; analyze the networks and the possible social capital that transits among them. For the production of this work, a qualitative field research was conducted in an association of recyclable material collectors in Fortaleza-CE, where six associated collectors were interviewed. To collect data, we used semi-structured interviews and the The Convoy of Social Support. Data were analyzed through content analysis and the UCINET program. The six participants named a total of 27 persons members of their network, where the smaller network presented just one person and the bigger eight persons. It was found that the social support networks of associated collectors are characterized by a high level of homophily, especially with the presence of strong ties and high level of localism. Family, friends and neighborhood show offer more benefits than the fact of being associated, in these fields being a major source of support and resources. The association did not show a source of direct benefits for five of the six participants. The association demonstrated to be marked by strong relationships of power and assistentialism, where profits are not distributed equally and associates seem to have no autonomy in their jobs. In addition, the work done in association presented itself quite precarious and informal. It was noted that, as concerns networks, the low social capital that circulates through them points to a reproductive cycle of poverty and difficulty in social mobility. It was shown to be important the expansion of social networks of participants to beyond their socio-demographic boundaries, extending their reach to people and institutions that can provide benefits and improvements in the quality and performance of their works. Finally, the research has shown that the meeting of workers around an association does not guarantee the reduction of precariousness and improvements in power relations. It emphasizes the need for more dialogic practices, the development of autonomy and the search for improvements in quality of life and work of members. Keywords: recyclable material collectors; social networks; social support networks; collectors association.

Termo para download

O autor desta obra é o titular dos direitos autorais. Esse trabalho destina-se somente para uso pessoal ou científico. Está proibida a comercialização de qualquer espécie sem autorização prévia do autor.

Li e concordo com as condições acima

Documento Eletrônico Peso Acessos Download
Dissertacao.pdf 1.295 KB 44